sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

Desejos pra 2012


Desejo a todos os meus amigos, conhecidos e afins um ano de 2012 cheio de surpresas boas e felicidade sem fim!!!

Aos meus inimigos desejo o mesmo, porque o que desejamos aos outros vem para nós a dobrar.



Pedido : Façam estar vivo valer a pena e respeitem os outros seres humanos e os bichos.




FELIZ 2012! ;)

quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

Na empresa

Coisas que não percebo :

.


1- Qual é a parte da frase "Não agrafar por favor" que as pessoas não entendem nos envelopes de correio interno?

2- As pessoas que saem dos seus gabinetes para falar ao telefone nos corredores... (o colega de gabinete não pode ouvir a conversa mas todo o resto da empresa pode?)

E por aí além...

segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

A bela Roma


Já temos saudades, não é luv?




Mas a GRANDE VIAGEM aproxima-se!!! Tananana, tananana, tananana...

Coisas do consumismo...

Estas são as duas palavras (ou mais) que, para bem da minha carteira e da minha paz de espírito, não podem estar na mesma frase :

- A Outra Face da Lua e Saldos

- M.A.C e Edição Limitada

- Sábado e Feira

- Cosméticos e 20% de desconto






As mulheres são tramadas.

quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

Inocência?

Isto é algo que me confunde:


Algumas pessoas ficam muito indignadas porque a Fanny e a Cátia das Casa dos Segredos andam sem cuecas e mostram o "matagal" na televisão. Outras ainda falam dos Perdidos na Tribo, nauzeadas com a facto daquelas "socialite" todas terem bebido sangue, não se lavarem e passarem tantos sacrificios sob as ordens daquelas nativos selvagens e inconscientes. Outras pessoas ainda, dizem que o Bear Grylls é um super homem no seu programa Survivor, coitadinho que sofre tanto.

Ora bem, será que ninguém sabe que estes programas (que a maior parte das vezes são escritos com antecedência e em que nada acontece por acaso) têm grandes produtores por trás, que imensas coisas são combinadas com a produção? Que ninguem deixa de tomar banho ou comer quando tem uma equipa de televisão a filmar e a fazer o programa confortavelmente nas suas roulotes? Que se mostram as partes baixas e enrolanços na cama quando a produção o acha conveniente? Que os nativos dos Perdidos na Tribo sabiam muito bem o que estavam a fazer e foram instruidos para tal, não sendo nativos nenhuns? Que o Bear Grylls para ser tão fantástico tinha que se filmar a si próprio, porque assim, o camera men é tão (ou mais) fantástico do que ele?
Atenção...eu não estou a censurar os programas nem seus métodos, porque é para isso que eles existem e só vê quem quer. Faz-me é confusão as pessoas acreditarem em tudo o que acontece como se fosse a vida real.

Pronto, já disse.

E aqui fica o exp do fantástico Survivor que passa tanta fome no seu programa...é que aquilo é mesmo a sério!




Inocência?

terça-feira, 20 de dezembro de 2011

Mas anda tudo doido?

Quero o dia 02 de Janeiro, por favor.
.

quarta-feira, 7 de dezembro de 2011

Arrivederci!

arrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederci
derciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederci
arrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederciarrivederci

terça-feira, 6 de dezembro de 2011

Cansada



Há dias e dias e hoje...não é o dia.



Cansadaaaaa.

quinta-feira, 1 de dezembro de 2011

A minha maneira de existir


Por causa da minha teimosia e uma certa irresponsabilidade à mistura já realizei alguns dos meus sonhos e vou continuar a fazê-lo.

Comigo resulta porque :

1. Não penso muito no futuro, o presente é definitivamente o mais importante.

2. Tento tornar as coisas palpáveis (à bruta sem pensar muito) depois de as sonhar. (e tenho conseguido)

3. Acredito piamente que não estou cá para sofrer todos os dias. (apenas de vez em quando)

4. Tenho a sorte de estar rodeada de malucos como eu que me seguem nas maratonas de tornar sonhos realidade.

E assim sigo feliz.

...

Ás vezes sinto-me a lamechas mais pirosa e saloia ao cimo da terra.

(isto porque adoro o Paulo Gonzo, mas não gosto muito do ultimo álbum dele, mas se calhar até gosto.)

Fiz-me entender?

.

sábado, 19 de novembro de 2011

Kimbra

A minha mais recente coqueluche...


"Settle Down"



"Cameo Lover"



"Good Intent"



Demais! Não é?

sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Esclarecimento:

.

As pessoas que comem carne, falam das pessoas que não comem como se estas estivessem a perder vida. O mesmo se passa com as pessoas que comem de tudo. Estas pessoas acham que nós não vivemos, nós, que não comemos carninha e/ou comemos saudavelmente.
Fiquem sabendo que somos muito felizes assim e/ou assim é que somos felizes.
A felicidade que eu tenho a comer fruta, saladas e a saír do ginásio com suor por todo o lado...é a mesma que essas pessoas têm a comer uma fartura, castanhas ou carne de porco á alentejana. O que eu gosto é de comer sopinha e iogurtes e fazer uma asneirada só de vez em quando. Mas essa asneirada também tem as suas limitações...e sim, sei as calorias dos alimentos, e sim, tenho isso em conta como e quando como.
Outro argumento é que posso ser atropelada e morrer daqui a 1 minuto, pelo que não me devo preocupar com a minha saúde.
Eu sei que posso morrer agora, mas enquanto cá estou sou feliz á minha maneira. OK?

terça-feira, 15 de novembro de 2011

segunda-feira, 7 de novembro de 2011

Work Out!


A dor é a fraqueza a abandonar o corpo.


No pain No gain!


Photos in google

sábado, 5 de novembro de 2011

Finjo ser normal. E não convenço.


"Tenho um mundo grande. Sonhos maiores ainda. Carrego nos olhos a suavidade de um sentir desajustado. Sou o que sou. O que fui não interessa. O que resta é essa normalidade exagerada que não se limita. Finjo ser normal. E não convenço. Brinco de ser menina, arco-íris, luz e purpurina..."

by Ju Fuzetto

sexta-feira, 4 de novembro de 2011

Amor proíbido

Descobri hoje um grande amor...proibido.

Macarons de pistáchio!!!!!!




Não me ponham macarons de pistáchio á frente. Não me ponham macarons de pistáchio á frente. Não me ponham macarons de pistáchio á frente. Não me ponham macarons de pistáchio á frente. Não me ponham macarons de pistáchio á frente. Não me ponham macarons de pistáchio á frente. Não me ponham macarons de pistáchio á frente. Não me ponham macaronNão me ponham macarons de pistáchio á frente. Não me ponham macarons de pistáchio á frente. s de pistáchio á frente...


Photo in Google

quarta-feira, 2 de novembro de 2011

Transtorno Afetivo Sazonal* aka "Dêprê"



O Outono/Inverno deixa-me deprimida, deixa-me com sono, deixa-me cansada.
Não gosto de casacos, botas, chacecois...não gosto de chapéus de chuva, não gosto de ser de noite ás 17h00.
Não gosto de ter que dormir cheia de roupa nem gosto de ouvir a chuva quando estou no quente da cama.
Não gosto de ruas molhadas, nem de vidros embaceados, não gosto.

Posso ir para o Equador?
Posso?



* Transtorno Afetivo Sazonal (TAS) é um transtorno que afeta as pessoas no período do final de outono e inverno.
As pessoas afetadas apresentam queda no humor, tendem e a comer demais e engordar, ficam apáticas e letárgicas e dormem muito mais que o habitual. Quando acaba o inverno acabam também os sintomas.
Mudanças na alimentação e estilo de vida podem minimizar o impacto negativo do inverno no humor. A prevenção e o tratamento podem ser simplesmente fazer uma caminhada de meia hora de manhã cedo e maior exposição à luz.
Esse transtorno foi identificado pela primeira vez pelo dr. Norman Rosenthal nos EUA na década de 1980.
Abaixo segue um questionário que ajuda a identificar se você sofre da depressão de inverno


Notas de 0 a 4 de acordo com a mudança do seu humor no inverno:


0 se seu humor não muda
1 se seu humor muda ligeiramente
2 se ocorre uma mudança moderada no seu humor
3 se ocorre uma mudança acentuada no seu humor
4 se ocorre uma mudança radical no seu humor


Para os seguintes sintomas abaixo dê a nota de 0 a 4:


Horas de sono
Atividade social
Humor (sensação geral de bem-estar)
Peso corporal
Apetite
Nível de energia


Some os pontos de todos os seis aspectos acima para obter a pontuação final.


Resultado


De 4 a 7 pontos: na média
De 8 a 10 pontos: indica um quadro leve de depressão de inverno
De 11 ou mais pontos: maior probabilidade de TAS, procure um médico


Se você tem depressão de inverno, talvez ache que fica mais triste ou irritável porque odeia inverno e frio e explica o aumento de apetite e as horas a mais na cama para manter o corpo aquecido. Por mais lógicas que essas explicações possam parecer, alguns estudos bastante cuidadosos demonstram que o fator fundamental é a exposição reduzida à luz solar.
O melhor tratamento para transtorno afetivo sazonal é maior exposição à luz, de preferência pela manhã. Exercícios ao ar livre quando a temperatura permite, andar a pé e trabalhar perto de uma janela são abordagens sadias capazes de melhorar o humor.


Fonte: livro Segredos da Serotonina, Dra. Carol Hart, Ed.Cultrix
in http://pensarpararealizar.blogspot.com/2011/05/depressao-de-inverno.html
Photo in google

sábado, 29 de outubro de 2011

BB Cream Skin79

Chegou o meu BB Cream!
É fantástico, disfarça as minhas rugas e já não preciso de usar base!
Se quiserem saber mais sobre este creme, pesquisem na http://lojinhadajanina.blogspot.com/, foi lá que o encomendei e a Janina é um doce ;)


Aqui está o resultado após aplicação do creme :


Pele perfeitinha e sem trabalho quase nenhum!

LOVE IT! (já não quero viver sem ele!)

domingo, 23 de outubro de 2011

Daisy Field




É aqui que corro, e corro, e corro, e no fim há um monte com uma árvore.



.

Outono


E hoje chegou o Outono.
Chegou tarde.
Não devia ter chegado nunca.
Chuva, frio, Natal...don't like.


.

quinta-feira, 13 de outubro de 2011

Lar doce Lar

Eu gosto muito de ter a minha casa arrumada e limpa, e ver casas arrumadas e limpas.
Ver fotos de casas modelos arrumadas e limpas? Gosto, mas vê-se logo que nestas casas não mora lá ninguêm...estas casas são todas lindas de morrer, mas nunca têm aspecto de lar.




N'est-ce pas?

segunda-feira, 10 de outubro de 2011

...


"Não se acostume com o que não o faz feliz, revolte-se quando julgar necessário.
Alague seu coração de esperanças, mas não deixe que ele se afogue nelas.
Se achar que precisa voltar, volte!
Se perceber que precisa seguir, siga!
Se estiver tudo errado, comece novamente.
Se estiver tudo certo, continue.
Se sentir saudades, mate-a.
Se perder um amor, não se perca!
Se o achar, segure-o"

by Fernando Pessoa

sexta-feira, 7 de outubro de 2011

Acupuntura

Finalmente este método fantástico de curar quase tudo chegou á minha vida.



O que é?

É o tratamento através da inserção de agulhas estéreis em pontos pré-determinados, originaria na China há mais de cinco mil anos. É um dos recursos terapêuticos mais importantes da Medicina Tradicional Chinesa (MTC) que atua na prevenção, promoção e tratamento das mais diversas patologias. É reconhecida pela OMS (Organização Mundial da Saúde) como tratamento para 147 patologias, dentre elas problemas de ordem física e psicossomática. Exemplos: dores em geral, insônia, artrite, fibromialgia, depressão, ansiedade, enjôo, regulação do apetite, tabagismo, etc.

Como a acupuntura funciona?

Os pontos de acupuntura respondem ao estímulo por estarem localizados próximos a nervos ou a estruturas ricamente enervadas. Assim, a acupuntura age de forma reflexa, causando a liberação de diversas substâncias (como hormônios, e neurotransmissores) benéficas ao indivíduo, promovendo bem-estar e facilitando outros mediadores do tratamento.
Outra explicação ainda é que para a MTC os canais de acupuntura se comunicam com o interior do organismo, desta forma um estímulo em um ponto pode gerar benefícios aos órgãos internos e permitir regulação da energia circulante, desta forma promovendo a saúde.



Experimentem.

quinta-feira, 6 de outubro de 2011

Romã

CREME HIDRATANTE REVIGORANTE DE ROMÃ



"Creme hidratante revigorante romã O Boticário de textura inovadora, rico em manteigas e óleos vegetais que formam um filme protetor sobre a pele, promovendo hidratação intensiva, deixando-a macia e perfumada com fragrância revigorante de romã. Fácil de espalhar e de rápida absorção."

SABONETE REVIGORANTE ROMÃ


"Com a fragrância revigorante de romã e base 100% vegetal de óleo de palma, proporciona um banho envolvente e altamente perfumado!"


Estou completamente viciada nestes produtos de Romã da linha Nativa Spa do Boticário.
São cheirosos, cremosos, e põem a pele verdadeiramente suave, hidratada e cheirosa. O cheirinho dura o dia inteiro no corpo. Acreditem, são mesmo boooons!!!

.

terça-feira, 4 de outubro de 2011

START


Quando não me sinto bem comigo, mudo.



Corpinho: Prepara-te para malhar muito!!!


.

Soja

Ora bem, o meu estômago e o meu intestino não funcionam lá muito bem, tenho a cárdia incontinente, colite nervosa, síndrome do cólon irritável...e mais não sei o quê.
Isto tudo para dizer que, a conselho de uma homeopata, deixei de beber leite de vaca, iogurtes e diminuí consideravelmente os lactícinios. E que diferença boa!
Desde que só consumo "leite" e iogurtes de soja, que o meu estômago e o meu intestino acordam e deitam-se a bater palmas de alegria.



"A soja era utilizada na cozinha chinesa desde o século XI a.C, mas apenas no início do século XX chegou ao Ocidente.


É um grão da família das leguminosas, assim como o feijão, lentilha, grão de bico e ervilha. Sob o aspecto nutricional a soja é rica em proteínas de boa qualidade (possui de 35 a 40% proteínas de alto valor biológico – contendo os 10 aminoácidos essenciais em teor adequado, exceto a metionina), é eliminadora de radicais livres por conter antioxidantes, possui ácidos graxos poliinsaturados (ômega 6 – ácido linoléico – e ômega 3 – ácido linolênico) e compostos fitoquímicos como: isoflavonas, saponinas, fitatos, dentre outros. Também é uma excelente fonte de minerais como: cobre, ferro, fósforo, potássio, magnésio, manganês, enxofre, cloro e vitaminas como A, C, E, complexo B. Além disso, possui fibras, que são de extrema importância para o funcionamento adequado do intestino e têm a capacidade de captar partículas maiores de gordura, levando-as a passar direto pelo intestino, sem serem absorvidas.


A soja, além do próprio grão, pode ser consumida de várias maneiras, como extrato de soja, óleo de soja, tofu, missô, shoyo, lecitina de soja, proteína texturizada de soja (PTS) e farinha de soja.


Muitos estudos atuais comprovam que o consumo de produtos à base de soja promovem benefícios, como:


- Coração: a ingestão de 25 gramas por dia de proteína de soja reduz o LDL, o mau colesterol, cerca de 33% e aumenta o HDL (colesterol bom).


- Prevenção do câncer: o consumo diário de soja e seus derivados diminui a incidência de câncer de mama, cólon e próstata.


- Menopausa: a soja atenua os suores noturnos e as ondas de calor.


- Osteoporose: o fitoestrogênio ajuda a fixar o cálcio e fortalece a estrutura óssea.


- Diabetes: as fibras do grão de soja agem como reguladores do nível de glicose.


- Arteriosclerose: a isoflavona torna as artérias mais flexíveis e reduz o índice da doença.

Consumo recomendado: 25 gramas de proteína de soja, que correspondem a 3 colheres de sopa de grão cozido, ou 1 xicara de chá de PTS ou ½ xícara de tofu.

Importante: o consumo de soja ou outros alimentos funcionais não garantem uma vida saudável se não forem incluídos no nosso dia-a-dia hábitos saudáveis, como uma alimentação equilibrada e a prática de atividade física regular."

in http://www.dicasdenutricao.com/2010/07/os-beneficios-da-soja.html
Photos in google

sábado, 1 de outubro de 2011

Dia Mundial do Vegetarianismo!




Um dia saudável a todos!



photo in google

sexta-feira, 30 de setembro de 2011

Maquilhagem

Sou só eu que acho que estas paletas de sombras têm imensas cores que vão dar ao mesmo...


E prefere estas mais pequenas mas que têm cores bem distintas?



Photos in google

quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Ganância



É a ganância que vai acabar com o Homem, que vai acabar com o mundo.
Agora sou lixo, mas quando isto explodir...os ganansiosos vão comigo.

by Ruyva

domingo, 25 de setembro de 2011

Hole.


"Toda a nossa existência é fundamentada tão-somente no presente — no fugaz presente. Deste modo, tem de tomar a forma de um constante movimento, sem que jamais haja qualquer possibilidade de se encontrar o descanso pelo qual estamos sempre lutando. É o mesmo que um homem correndo ladeira abaixo: cairia se tentasse parar, e apenas continuando a correr consegue manter-se sobre suas pernas; como um pólo equilibrado na ponta do dedo, ou como um planeta, o qual cairia no sol se cessasse com seu percurso. Nossa existência é marcada pelo desassossego."

in http://ateus.net/artigos/filosofia/o-vazio-da-existencia/
Photo in google


.

sexta-feira, 23 de setembro de 2011

Francamente



O que é que posso fazer se a vida me corre bem? Matar-me?


Photo in google

quarta-feira, 21 de setembro de 2011

Mudei.

Já me tinham dito, mas agora estou a passar por isso. A década dos 30 aos 40 anos numa mulher é uma revolução interior.
Fico atordoada quando me apercebo do quão mudei no espaço de poucos anos.
Mudei os gostos, as vontades, os sonhos, os desejos. Mudei as coisas a que dou importância e as que não dou importância nenhuma.
Nos últimos meses a mudança foi ainda mais marcante, mudei mais e mais convictamente. Mudei o querer e o crer.
Não é responsabilidade minha...nem responsabilidade nem mérito. Mudei sem querer.
A 2 meses de fazer 37 anos e a 3 anos de fazer 40 sei que sou outra pessoa. Sou a mesma, mas não sou...
Sou mais feliz, sou mais livre, estou mais leve.
Mudei para melhor.
Melhor para mim e melhor para os outros.


by Ruyva





.

domingo, 11 de setembro de 2011

9/11

Porque não podemos esquecer!

sexta-feira, 9 de setembro de 2011

Can you find the 75 Bands?


(se quiserem ver a foto maior ponham o titulo no google e aparece logo)

Pois é mais ou menos isto :

1: Led Zeppelin
2: Gun & Roses
3: B 52s
4: Black Flag
5: White Zombie
6: Smashing Pumpkins
7: Rolling Stones
8: White Snake
9: The Eagles
10: Blind Mellon
11: Sex Pistols
12: Queen
13: Garbage
14: Alice in Chains
15: Matchbox 20
16: The Eels
17: Dinosaur Jr.
18: 50 cent
19: Beach Boys
20: 9 Inch Nails
21: Seal
22: The Dead Kennedy's
23: Madonna
24: The Monkees
25: Ratt
26: Great White
27: The Police
28: The Oranges
29: Radiohead
30: Korn
31: Lemon Heads
32: The Blues Travelers
33: Iron Maidon
34: The Pixies
35: Prince
36: Phish
37: Red Hot Chili Peppers
38: Blur
39: Twisted Sister
40: Cowboy Junkies
41: Gorillaz
42: U2
43: Crowded House
44: Black Crows
45: Cars
46: BeeGees
47: White Stripes
48: Talking Heads
49: Yellowman
50: Kiss
51: Eminem
52: Deep Purple
53: Pink
54: Hole
55: Jewel
56: Green Day
57: Blondie
58: Pavement
59: Spoon
60: Bush
61: Pet Shop Boys
62: Cake
63: Go-Gos
64: Manic Street Performers
65: The Postal Service
66: Cornershop
67: Scissor Sisters
68: The Vines
69: The Doors
70: Men at Work
71: The Cranberries
72: The Band
73: Cypress Hill
74: Skinny Puppy
75: Was

Cool, não é?

segunda-feira, 5 de setembro de 2011

Next!

Cenas dos próximos capítulos :

Dezembro:



Abril:




WEEEEEEEEEEE!!!!


domingo, 4 de setembro de 2011

Han, o bebé sete mil milhões...


Han, o bebé sete mil milhões... haverá lugar para ele?

De 2004 para cá, o índice dos preços da comida da FAO mais do que duplicou. A água escasseia. O planeta está a consumir por ano 50% mais do que a terra consegue suportar. É neste cenário que vamos bater mais um recorde de crescimento populacional
João Dias Miguel
11:18 Quarta feira, 31 de Ago de 2011


A 31 de outubro de 2011, nascerá um bebé. Será destro, rapaz e chinês.

Esta criança - vamos chamar-lhe Han, em honra da etnia mais populosa da terra, os chineses Han - será o 7 000 000 000.º ser vivo do planeta.

Comerá mais carne, leite e ovos do que os seus pais e avós alguma vez sonharam possível. Terá, a avaliar pelos dados de hoje, mais possibilidades de vir a possuir um telemóvel do que uma conta bancária.

Nascerá mais facilmente em meio urbano, e pobre, do que rural. Assistirá, muito provavelmente, ao declínio do poder dos Estados em detrimento do das cidades, num mundo ainda mais desigual.

Mas congratular-se-á com a progressiva transferência do poder económico do Ocidente para a Ásia, onde viverá numa das 15 megaurbes com mais de 10 milhões de habitantes que essa região terá em 2025 (cinco delas na China). Quando olhar para trás, para os anos que antecederam o seu nascimento, Han verá que já prevíamos boa parte dos males que assolam o seu mundo: as mudanças climáticas, a escassez de água, o custo proibitivo dos alimentos e da energia.

E no entanto, durante algumas décadas, não parecia que fosse esse o destino de Han. Poder-se-á dizer que quando o Ensaio sobre o princípio da população saiu, em 1798, as perspetivas eram igualmente sombrias. No entanto, desde a época em que o livro do inglês Thomas Malthus foi dado à estampa, a extraordinária aventura da Humanidade não parou de se desenrolar.

Só no século XX, e apesar da pressão posta no planeta, a população quadruplicou, o nível de vida aumentou, a produção de alimentos também disparou, as taxas de mortalidade infantil desceram a pique, a esperança de vida dobrou. Durante algum tempo, já para o fim desse século, pareceu até que o preço do petróleo, das matérias-primas e da comida não parariam de descer. Já depois de 2000, segundo o Banco Mundial, saíram da linha de miséria 400 milhões de pessoas na China, 200 milhões na Índia, 50 milhões no Brasil.

Toda essa gente abandonou um menu à base de vegetais para uma ementa mais à base de carne. A China, por exemplo, quadruplicou o seu consumo entre 1961 e 2001. (Na Índia, por razões culturais, manteve-se praticamente igual). A bomba demográfica foi desarmadilhada nos países ricos, na Rússia e em alguns dos seus antigos países satélites, a população até está a decrescer (a Rússia passou de um pico de 148,5 milhões em 1991 para os atuais 142).

Mas a alvorada do século XXI parece menos prometedora. Depois de décadas de progressos na redução da fome e do número de pessoas que vivem abaixo do limiar da pobreza, assistiu-se a uma recessão global que teve início em 2008 e parece não ter fim à vista e duas crises alimentares (2007-08 e 2010-11), que atiraram de novo para uma vida abaixo do limiar mínimo de subsistência mais de 150 milhões de pessoas. As últimas vítimas são os 11 milhões de indivíduos que, no Corno de África, estão em risco de vida enquanto a ONU se debate internacionalmente para arranjar fundos e localmente para entrar numa Somália devastada pela guerra civil, privada dos seus recursos naturais pelas frotas pesqueiras do Ocidente e tornada num autêntico cemitério de lixos tóxicos pelo resto do mundo.

POBREZA E TERRORISMO

E não é só a África para lá do Sara que se vê nestas dificuldades. No Paquistão, um dos países de maior crescimento populacional do globo, a percentagem de pessoas que sofrem de "insegurança alimentar" subiu de 37% em 2003, para os 49% em 2010, ainda antes das devastadoras cheias de julho. Esta massa humana adverte Abid Qaiyum Suleri, um especialista de Islamabad "pode ser facilmente convertida ao terrorismo ". Esta opinião é repetida por David Bloom, demógrafo em Harvard, que se refere a países como o Paquistão e a Nigéria, como verdadeiras "bombas de fragmentação".

Bloom, que pode ser acusado de tudo menos de neomalthusianismo, adverte que o crescimento demográfico é um "conto de dois mundos". "As nações menos desenvolvidas são e serão responsáveis pelo crescimento populacional das próximas quatro décadas; enquanto no resto do mundo, com a exceção dos EUA, ele se manterá estável. Em 1950, 68% da população mundial residia nos países em desenvolvimento. Hoje são 82 por cento.

Mas no ano de 2050 serão 86%", disse à rádio pública norte-americana NPR. "Esses países tendem a ser os países mais frágeis de um ponto de vista político, económico, social e ambiental, pelo que a situação pode refletir-se negativamente em muitos outros lugares" um pouco a exemplo do que tem acontecido na Europa, com a chegada em massa de imigrantes de África à ilha italiana de Lampedusa.

De 2004 para cá, o índice de preços alimentares da FAO mais do que duplicou, enquanto os do petróleo iam de uns modestos 40 dólares o barril em 2000 para um pico de quase 140 em 2008 (atualmente situa-se acima dos 100 dólares um patamar tido como inatingível não assim há tanto tempo). O planeta está a consumir mais recursos do que o sustentável segundo a ONG World Wide Fund, por ano, 50% mais do que a terra consegue suportar.

UM PLANETA EM STRESSE

Olhe-se para a água: em 2015 serão já 3 mil milhões a viverem em países que sofrem de "stresse hídrico" aqueles em que a água disponível per capita é menor do que a necessária para satisfazer todas as necessidades alimentares, industriais e domésticas. Morrem 1,5 milhões de crianças com doenças relacionadas com falta de água e saneamento.

Como a gestão humana (soviética) sobre o mar do Aral já demonstrou, existe um limite a partir do qual a exploração dos aquíferos é insustentável a ponto de não matar só um lago, ou um rio, mas boa parte da atividade socioeconómica à sua volta. A situação é especialmente má na Ásia, que tem mais de 60% da população mundial e apenas 36% da água doce disponível no mundo.

Na China, por exemplo, uma fatia substancial da água usada para regadio vem de fontes não sustentáveis, como a sobreexploração de caudais subterrâneos e o desvio excessivo do caudal dos rios.

A parte final do rio Amarelo secou quase todos os anos entre 1972 e hoje, com algumas exceções pontuais, e as águas subterrâneas do Norte da China, onde se concentram 800 milhões de pessoas, podem mesmo acabar até 2020.

Um sinal de que Pequim já percebeu o problema é ter começado a importar quantidades massivas de soja ou de água, consoante o ponto de vista do Brasil. Outra, é ter entrado na corrida às terras "arrendadas" a outros estados, nomeadamente africanos (as aspas devem-se ao facto de muitos desses países não terem legislação que regule o uso ancestral e comunitário da terra agrícola e portanto os agricultores locais se limitarem a ver de repente as suas terras invadidas por maquinaria ao serviço de estrangeiros, com todo o potencial de conflito que isso desencadeia. O fenómeno chama-se land grabbing). Outros países, como a Arábia Saudita e a Coreia do Sul, já entraram nesta corrida.

Calcula-se que na Índia que terá ultrapassado a China em população em 2025 pelo menos 25% por cento dos alimentos estejam a ser produzidos com práticas não sustentáveis. O Médio Oriente e em particular a Península Arábica também está sob enorme pressão. O National Intelligence Council, dos Estados Unidos, há anos que vem alertando para a escassez de água como fonte potencial de conflitos nas próximas décadas a questão israelo-palestiniana é apenas um exemplo.

Há também sinais de que podemos estar perante uma crise crónica dos alimentos por exemplo a Oxfam publicou a 1 de junho um relatório em que prevê que o preço do milho subirá 86% até 2030, devido às mudanças climáticas. Esta subida, aliada a outros fatores, fará com que o preço das matérias-primas alimentares torne a duplicar nas duas próximas décadas, pondo os Estados como a Tunísia, a Líbia, o Egito, a Síria e o Iémen em causa. "Uma nova era de crise(s)" poderá levar "ao colapso do sistema global de produção de comida", alerta a ONG.

CEREAIS: O NOVO PETRÓLEO

A alta dos preços da energia também está a por sob imensa pressão a agricultura.

Por um lado, os fertilizantes são em boa parte feitos à base de nitrogénio sintético, que por sua vez necessita de gás natural cujos preços são tremendamente instáveis e quase duplicaram na última década. Por outro, os EUA, seguindo o exemplo brasileiro, destinam agora quase um terço da sua produção de cereais para biocombustíveis. Ou seja, os cereais passaram ser. uma espécie de petróleo e o seu preço ligado ao da energia. Outra forma de dizer isto é, como faz a Oxfam, "desviar a comida das bocas para o depósito dos carros". A Oxfam relaciona também esta política com o fenómeno do land grabbing. "Atingir os 10% de biocombustíveis na totalidade dos combustíveis gastos em transportes, globalmente terá atirado mais 140 milhões de pessoas para a pobreza em 2020." Para se ter uma ideia, na Europa seria necessária uma área quase do tamanho de Portugal para se atingir esse objetivo e a produção anual de dióxido de carbono equivaleria a mais 26 milhões de carros.

A Oxfam acusa, ainda, a especulação com os preços dos alimentos de estar a atingir níveis insustentáveis: só o Barclays Capital, um dos grandes atores no mercado de derivados das matérias-primas alimentares na Europa, terá ganho 406 milhões de euros nessa atividade, em 2010. O investimento especulativo neste mercado terá subido de 15 mil milhões de euros em 2003 para, pelo menos, 200 mil milhões, em 2008. (Outros cálculos apontam para 317 mil milhões).

Como resultado da especulação, das alterações climáticas, da subida dos preços da energia e de catástrofes naturais, os preços do milho, do sorgo e do trigo, por exemplo, aumentaram mais de 70% entre junho e dezembro de 2010 Daqui até 2043 altura em que seremos 9 mil milhões a produção agrícola terá de subir 60% para satisfazer as necessidades globais. Mas com as atuais tecnologias e partindo do pressuposto que todas as condições são ideais ela aumentaria apenas 50%, segundo a ONU. A procura de bens alimentares poderá subir entre 70% a 100%, até chegarmos a meio do século estima um estudo feito em colaboração com o Organização Mundial do Comércio e o Banco Mundial, apresentado aos ministros da Agricultura do G-20, em junho deste ano. Hoje, todos os dias são acrescentadas 200 mil pessoas à mesa de jantar da Humanidade e países como a Nigéria e o Burkina-Faso habilitam-se a triplicar as respetivas populações, caso nada seja feito para baixar as taxas de fecundidade.

Se a isto somarmos as mudanças climáticas, perto de 370 milhões de pessoas ficam em situação de "insegurança alimentar", alerta ainda a Oxfam.

Ou seja, quando nascer, Han viverá num mundo seriamente ameaçado...


in Visão
Photo in google

sábado, 3 de setembro de 2011

I Told You So...



Pois é...só tenho isto a dizer:





sexta-feira, 26 de agosto de 2011

Dalai Lama : o GRANDE.


Dalai Lama: "Paz não cai do céu nem se conquista pela reza"

O líder espiritual Dalai Lama afirmou nesta segunda-feira na cidade francesa de Toulouse que "a paz não cai do céu nem é conquistada através da reza", por isso que a única maneira, segundo sua opinião, de solucionar os conflitos é através do diálogo e do esforço de cada um. Em uma conferência sobre "A arte da felicidade", com a qual encerrou sua visita à região, o monge budista e Prêmio Nobel da Paz de 1989 pediu às mais de 8 mil pessoas que presenciaram o ato para que "conversem frente a frente" cada vez que tenham algum problema com outra pessoa.

"O século XX foi o mais sanguinário da História. Deveríamos aprender a lição e fazer com que o século XXI seja o do diálogo", disse em uma conversa introduzida pelo filósofo e ex-diplomata francês Stéphane Hessel, autor do livro "Indignai-vos". Dalai Lama, que defende a autonomia tibetana e é considerado na China como um líder separatista, se propôs a falar "das coisas importantes em nossa vida cotidiana" e assegurou que "a realidade nos mostra que precisamos de uma maior cooperação genuína, baseada na amizade, na confiança e na honestidade".

Durante o encontro de quase duas horas e meia, no qual se expressou em inglês, o líder espiritual, 76 anos, sustentou que "o bem-estar de uma nação e de uma família depende de soluções globais", que dependem de "um senso de responsabilidade". Em seu discurso, Dalai Lama lembrou que "somos em essência animais sociais" e que como tais dependemos uns dos outros, por isso, insistiu, que devemos nos apoiar "de maneira construtiva", para conseguirmos a paz interior, um estado que não se conquista segundo ele "nem com dinheiro nem com poder", mas parte do interior e provém, "como a verdadeira felicidade, do coração".

O líder por fim ressaltou que seu compromisso principal reside na promoção desses valores humanos, não do ponto de vista da religião, mas da ética, e advertiu que sentir-se bem é importante não só para os cidadãos, mas também para os dirigentes. "É essencial que possam cultivar esses valores porque suas decisões afetam uma quantidade inumerável de pessoas", disse o líder espiritual, que recomendou aos cidadãos que estejam desencantados com seus governantes que se envolvam na política, porque "estando à margem, não conseguem mudar nada".

Não posso concordar mais.

segunda-feira, 22 de agosto de 2011

O Refúgio

Ainda não parei de ouvir isto :

Le Refuge by Louis-Ronan Choisy et Isabelle Carré




Desde que vi isto :

Le Refuge Trailer



É tudo lindo.

sexta-feira, 19 de agosto de 2011

Dia Mundial da Fotografia



Uma das minhas grandes paixões!

quarta-feira, 17 de agosto de 2011

Os lambe cús!


"Noto com desagrado que se tem desenvolvido muito em Portugal uma modalidade desportiva que julgara ter caído em desuso depois da revolução de Abril. Situa-se na área da ginástica corporal e envolve complexos exercícios contorcionistas em que cada jogador procura, por todos os meios ao seu alcance, correr e prostrar-se de forma a lamber o cú de um jogador mais poderoso do que ele.
Este cú pode ser o cú de um superior hierárquico, de um ministro, de um agente da polícia ou de um artista. O objectivo do jogo é identificá-los, lambê-los e recolher os respectivos prémios. Os prémios podem ser em dinheiro, em promoção profissional ou em permuta. À medida que vai lambendo os cús, vai ascendendo ou descendendo na hierarquia.
Antes do 25 de Abril esta modalidade era mais rudimentar. Era praticada por amadores, muitos em idade escolar, e conhecida prosaicamente como «engraxanço». Os chefes de repartição engraxavam os chefes de serviço, os alunos engraxavam os professores, os jornalistas engraxavam os ministros, as donas de casa engraxavam os médicos da caixa, etc... Mesmo assim, eram raros os portugueses com feitio para passar graxa. Havia poucos engraxadores. Diga-se porém, em abono da verdade, que os poucos que havia engraxavam imenso.
Nesse tempo, «engraxar» era uma actividade socialmente menosprezada. O menino que engraxasse a professora tinha de enfrentar depois o escárnio da turma. O colunista que tecesse um grande elogio ao Presidente do Conselho era ostracizado pelos colegas. Ninguém gostava de um engraxador.
Hoje tudo isso mudou. O engraxanço evoluiu ao ponto de tornar-se irreconhecível. Foi-se subindo na escala de subserviência, dos sapatos até ao cú. O engraxador foi promovido a lambe-botas e o lambe-botas a lambe-cú.
Não é preciso realçar a diferença, em termos de subordinação hierárquica e flexibilidade de movimentos, entre engraxar uns sapatos e lamber um cú.
Para fazer face à crescente popularidade do desporto, importaram-se dos Estados Unidos, campeão do mundo na modalidade, as regras e os estatutos da American Federation of Ass-licking and Brown-nosing. Os praticantes portugueses puderam assim esquecer os tempos amadores do engraxanço e aperfeiçoarem-se no desenvolvimento profissional do Culambismo.
(...) Tudo isto teria graça se os culambistas portugueses fossem tão mal tratados e sucedidos como os engraxadores de outrora. O pior é que a nossa sociedade não só aceita o culambismo como forma prática de subir na vida, como começa a exigi-lo como habilitação profissional. O culambismo compensa. Sobreviver sem um mínimo de conhecimentos de culambismo é hoje tão difícil como vencer na vida sem saber falar inglês."

by Miguel Esteves Cardoso, in "Último Volume"
Photo by Vaiva in Deviantart

terça-feira, 9 de agosto de 2011

Dar


"O respeito pelos outros é o principio do respeito por nós próprios... tudo o que se dá é o que se tem."


Photo by BloodSorceress in Deviantart

quarta-feira, 3 de agosto de 2011

Zombies



Não matem os vossos sonhos...eles são zombies.

by Ruyva
Photo by chadmichaelward in Deviantart