quarta-feira, 30 de abril de 2008

Feliz e serena





Deixai-me limpo
O ar dos quartos
E liso
O branco das paredes
Deixai-me com as coisas
Fundadas no silêncio

by Sophia de Mello Breyner Andresen




Photo manipulated by Kidney

sábado, 26 de abril de 2008

...




São estes momentos que me fazem agradecer o facto de estar viva.



Amo-te com tudo.

sexta-feira, 25 de abril de 2008

Sei de um rio...

Sei de Um Rio by Camané



Sei de um rio, sei de um rio
Em que as unicas estrelas nele sempre debruçadas
São as luzes da cidade
Sei de um rio, sei de um rio
Onde a própria mentira tem o sabor da verdade
Sei de um rio...
Meu amor dá-me os teus lábios, dá-me os lábios desse rio
Que nasceu na minha sede, mas o sonho continua
E a minha boca até quando ao separar-se da tua
Vai repetindo e lembrando
Sei de um rio, sei de um rio
Meu amor dá-me os teus lábios, dá-me os lábios desse rio
Que nasceu na minha sede, mas o sonho continua
E a minha boca até quando ao separar-se da tua
Vai repetindo e lembrando
Sei de um rio, sei de um rio
Sei de um rio, até quando


E a voz arrepia.
E o poema arrepia.
Camané...és muito!

Cada Lugar Teu...

Cada Lugar Teu by Mafalda Veiga




Sei de cor cada lugar teu
atado em mim, a cada lugar meu
tento entender o rumo que a vida nos faz tomar
tento esquecer a mágoa
guardar só o que é bom de guardar

Pensa em mim protege o que eu te dou
Eu penso em ti e dou-te o que de melhor eu sou
sem ter defesas que me façam falhar
nesse lugar mais dentro
onde só chega quem não tem medo de naufragar

Fica em mim que hoje o tempo dói
como se arrancassem tudo o que já foi
e até o que virá e até o que eu sonhei
diz-me que vais guardar e abraçar
tudo o que eu te dei

Mesmo que a vida mude os nossos sentidos
e o mundo nos leve pra longe de nós
e que um dia o tempo pareça perdido
e tudo se desfaça num gesto só

Eu Vou guardar cada lugar teu
ancorado em cada lugar meu
e hoje apenas isso me faz acreditar
que eu vou chegar contigo
onde só chega quem não tem medo de naufragar


Hoje é mesmo isto que sinto. "eu vou chegar contigo
onde só chega quem não tem medo de naufragar ". Tou cá para tudo luv...para tudo!

quarta-feira, 23 de abril de 2008

Sem medo



Mando-me para a vida e espero que ela me segure.
Umas vezes segura, outras não.
Umas vez não segura, outras sim.


by Ruyva
Photo by Nlr4 in Deviantart

domingo, 20 de abril de 2008

Gostar de ti



"Enquanto o sol brilhar,
E o rio correr para o mar,
Enquanto houver luar,
E o mundo não parar,
Enquanto o sol nascer,
Enquanto o fogo arder,
E o meu coração bater,
Eu vou gostar de ti,
Vou gostar de ti."


by Rita Guerra


Tantas certezas...tanto amor.(suspiro)




Luv, esta musica já deve ter sido cantada 20000 vezes nos karaokes de Setúbal...lololol (private)

She's Mine but I'm Not Hers

Esta musica tem uma letra tão forte, que me deixa sempre a pensar cada vez que a oiço. Confesso que também gosto muito do videoclip.
Deixo-a aqui para vocês...


She's Mine but I'm Not Hers by Jay Jay Johanson



There was a time when I was playing rough
But nowadays I take it sort of cool
Why do I feel this way
I don't wanna be alone
She's mine but I'm not hers

Everytime we meet it's wonderful
And though she only loves me as a friend
I always want to see her
But I hate to say goodbye
She's mine but I'm not hers

She's mine, she's mine
She's mine but I'm not hers

Now and then I meet her and her man
I must admit I used to like him too
But see them walk together
It just makes me wanna cry
She's mine but I'm not hers

They always keep their tv on at night
So no one in the house can hear them fight
But I've seen the bruices
And I know about the scars
She's mine but I'm not hers

She's mine, she's mine
She's mine but I'm not hers


O Jay Jay Johanson consegue ser um Deus no meio da sua perversidade.
Tive um bom tempo a ouvi-lo hoje, e foi, digamos, uma lavagrm á alma.

Gosto ;)

sexta-feira, 18 de abril de 2008

Once Upon A Time

Hoje queria ser esta musica.

Once Upon A Time by Air



No time before it's too soon
No time after it's too late
Time's getting old, time's over now
Don't try to be on time
Don't try to run after time
Time's getting on, time's over now

I'm a little boy, you're a little girl
Once upon a time
I'm a little boy, you're a little girl
Once upon a time
Time's getting on, time's over now
I'm a little boy, you're a little girl
Once upon a time
I'm a little boy, you're a little girl
Once upon a time
Time's getting on, time's over now

I'm a little boy, you're a little girl
Once upon a time
I'm a little boy, you're a little girl
Once upon a time
Time's getting on, time's over now
I'm a little boy, you're a little girl
Once upon a time
I'm a little boy, you're a little girl
Once upon a time
Time's getting on, time's over now




O amor...

terça-feira, 15 de abril de 2008

Vida



"Sair dos dias. Não dormir. Não falar com ninguém. Ficar de fora do lá de fora. Ocupar o coração. À força. Ser como ele. É muito bom e faz muito bem. Espera-se um bocadinho e, pouco a pouco, ele começa a correr para dentro de nós, aflito por atenção. Traz as coisas que adiámos, em que não reparámos, que não tivemos tempo de cuidar. E primeiro vêm as mágoas. A felicidade que recusámos. Sem saber. Sempre sem saber. A tristeza que fugimos. Voltam.

É muito bom e faz muito bem.
Sair de nós. Cair nos outros. Não escrever. Ler. Não pensar. Lembrar. Os amigos quietos. O murmúrio do riso que riram. A família parada. O colo onde cabe a cabeça. O amor adormecido. Estas coisas acordam. E sossega saber que nós não somos nada sem eles. E mesmo com eles, quase nada. Escravos de carinhos somos nós, seguindo atrás, de braços abertos, numa fila sem fim.

É muito bom e faz muito bem.
Sair dos trabalhos, do dinheiro, das palavras que nada querem ou conseguem dizer. Fazer gazeta. Faltar. Desobedecer. É um trabalho também. Não ir. Não responder. Não entregar. É cumprir também. Desmergulhar. Desfazer. Desacontecer. São tarefas também. Ainda mas difíceis, talvez.

É muito bom e faz muito bem.
Sair da ordem. Cair na doçura do acaso. Trocar de caos. Descer. Vestir a mesma roupa. Não fazer a barba. Beber. Fumar. Sem pausa. Sem razão. Ceder. Emergir. Abandalhar. Fazer o que não se está a fazer. Esticar a corda. Não atender. Desarrumar os livros. Passear pela casa como se fosse uma cidade destruída. Estragar.

É muito bom e faz muito bem.
Sair da vontade. Cair na estupidez. Não descansar. Ver televisão numa língua que não se compreende. Forçar. Esquecer.
Fazer o que não apetece fazer. Contrariar. Confundir. Comer atum de conserva com uma colher. Pôr o despertador para tocar mal se comece a adormecer. Dizer disparates em voz alta.”Todos agora”. Virar o bico ao pego. Arrepiar. Arrepender.

É muito bom e faz muito bem.
Sair do corpo. Cair na alma. De chapão. Sem ver nada à frente. Receber os mistérios. Sem cerimónias. Sem compreender. Ser absorvido. Subjugado. E agradecer. Perder o norte, o fio, os sentidos. E gostar. Divertir. Desprender. Chafurdar na lama. Acriançar. Rir. Começar a chorar. Ser levado, enlevado, enganado, desprotegido, confuso, cruel. Desviado.

É muito bom e faz muito bem.
Sair da vida. Cair na morte. Sofrer. Iludir. Acabar. Permanecer na cama. Pensar em tudo o que se faz como se fosse a última vez. Esmorecer. Querer voltar atrás e fingir que já não se pode. Confessar. Pedir. Esvaziar. Ter pena de quem se foi e do que se fez. Rejeitar o perdão, a redenção, a última oportunidade.

É muito bom e faz muito bem.
É tão bom e faz tanto bem que, às vezes, cada vez mais, não apetece regressar. Tanto que só nos resta levantarmo-nos de onde caímos e, deixando-nos conduzir por tudo o que nos tolheu os passos desde o dia em que começámos a errar, na contramão das nossas almas, só nos resta procurar um sítio onde a nossa ida não se reconhece, não se aceita, não faz sentido, e entrar.

Entrar aqui. Daqui de onde nunca se sai. E ficar."

by Miguel Esteves Cardoso



Pic by I don't know :(

sábado, 12 de abril de 2008

Cu - Cu!!!!



"Creio que quase sempre é preciso um golpe de loucura para se construir um destino."

by Marguerite Yourcenar




Photo manipulated by Kidney

quarta-feira, 9 de abril de 2008

Im gonna be...




I'm Gonna Be (500 Miles) by The Proclaimers





When I wake up, well I know i'm gonna be,
I'm gonna be the man who wakes up next you
When I go out, yeah I know I'm gonna be
I'm gonna be the man who goes along with you
If I get drunk, well I know I'm gonna be
I'm gonna be the man who gets drunk next to you
And if I haver, Yeah I know I'm gonna be
I'm gonna be the man who's havering to you


But I would walk 500 miles
And I would walk 500 more
Just to be the man who walks a thousand miles
To fall down at your door


When I'm working, yes I know I'm gonna be
I'm gonna be the man who's working hard for you
And when the money, comes in for the work I do
I'll pass almost every penny on to you
When I come home(When I come home), well I know I'm gonna be
I'm gonna be the man who comes back home to you
And if I grow-old,(When I grow-old) well I know I'm gonna be
I'm gonna be the man who's growing old with you

But I would walk 500 miles
And I would walk 500 more
Just to be the man who walks a thousand miles
To fall down at your door

da da da (da da da)
da da da (da da da)

Da Da Da Dun Diddle Un Diddle Un Diddle Uh Da

da da da (da da da)
da da da (da da da)

Da Da Da Dun Diddle Un Diddle Un Diddle Uh Da

When I'm lonely, well I know I'm gonna be
I'm gonna be the man who's lonely without you
And when I'm dreaming, well I know I'm gonna dream
I'm gonna Dream about the time when I'm with you
When I go out(When I go out), well I know I'm gonna be
I'm gonna be the man who goes along with you
And when I come home(When I come home), yes I know I'm gonna be
I'm gonna be the man who comes back home with you
I'm gonna be the man who's coming home with you

But I would walk 500 miles
And I would walk 500 more
Just to be the man who walks a thousand miles
To fall down at your door

da da da (da da da)
da da da (da da da)

Da Da Da Dun Diddle Un Diddle Un Diddle Uh Da

da da da (da da da)
da da da (da da da)

Da Da Da Dun Diddle Un Diddle Un Diddle Uh Da

da da da (da da da)
da da da (da da da)

Da Da Da Dun Diddle Un Diddle Un Diddle Uh Da

da da da (da da da)
da da da (da da da)

Da Da Da Dun Diddle Un Diddle Un Diddle Uh Da

And I would walk 500 miles
And I would walk 500 more
Just to be the man who walked a thousand miles
To fall down at your door



Porque o amor está na luz e porque o amo.