quarta-feira, 31 de dezembro de 2008

BONZÃO ANOZARRÃO!!!





BONZÃO ANOZARRÃO!!!


Feliz Ano Novo
Glückliches Neues Jahr
Nytar
Feliz Año Nuevo
Felicigan Novan Jaron
Heureuse Nouvelle Année
Feliz Aninovo
Shaná Tová
Happy New Year
Felice Nuovo Anno
Akemashite Omedetou Gozaimasu












Pic by mustange in Deviantart

Vinho do Porto

Nunca tinha dado tanta atenção a esta letra como agora.
O Carlos Paião era um senhor e esta versão está fenomenal.

Vinho do Porto by Donna Maria (Tributo a Carlos Paião)



Primeiro a serra semeada terra a terra
Nas vertentes da promessa
Nas vertentes da promessa
Depois o verde que se ganha ou que se perde
Quando a chuva cai depressa
Quando a chuva cai depressa

E nasce o fruto quantas vezes diminuto
Como as uvas da alegria
Como as uvas da alegria
E na vindima vão as cestas até cima
Com o pão de cada dia
Com o pão de cada dia

Suor do rosto pra pisar e ver o mosto
Nos lagares do bom caminho
Nos lagares do bom caminho
Assim cuidado faz-se o sonho e fermentado
Generoso como o vinho
Generoso como o vinho

E pelo rio vai dourado o nosso brio
Nos rabelos duma vida
Nos rabelos duma vida
E para o mundo vão garrafas cá do fundo
De uma gente envaidecida
De uma gente envaidecida

Vinho do Porto
Vinho de Portugal
E vai à nossa
À nossa beira mar
À beira Porto
À vinho Porto mar
Há-de haver Porto
Para o nosso mar

Vinho do Porto
Vinho de Portugal
E vai à nossa
À nossa beira mar
À beira Porto
À vinho Porto mar
Há-de haver Porto
Para o desconforto
Para o que anda torto
Neste navegar

Por isso há festa não há gente como esta
Quando a vida nos empresta uns foguetes de ilusão
Vem a fanfarra e os míudos, a algazarra
Vai-se o povo que se agarra pra passar a procissão
E são atletas, corredores de bicicletas
E palavras indiscretas na boca de algum rapaz
E as barracas mais os cortes nas casacas
Os conjuntos, as ressacas e outro brinde que se faz

Vinho do Porto vou servi-lo neste cálice
Alicerce da amizade em Portugal
É o conforto de um amor tomado aos tragos
Que trazemos por vontade em Portugal

Se nós quisermos entornar a pequenez
Se nós soubermos ser amigos desta vez
Não há champanhe que nos ganhe
Nem ninguém que nos apanhe
Porque o vinho é português






Às vezes tenho a sensação de que todos os palcos são pequenos para o tamanho dos Donna Maria. Fantásticos, sempre.

segunda-feira, 29 de dezembro de 2008

Rain

Odeio chuva, e ela teima em não nos largar.
Mas como sei que ela é precisa para o nosso equilibrio...cá vão umas malhinhas a falar dessa senhora incomodativa e horrorosa!


I wish it would rain down by Phil Collins



Rain by Madonna



Why Does It Always Rain On Me by Travis






.

sábado, 27 de dezembro de 2008

Judy

Judy by The Pipettes




I knew a girl and her name was Judy
She used to do things I thought were rude
But I never said anything to her face,
'Cuz my friends I thought she'd kick my arse all over the place.
Used to think she was kinda cool (kinda cool)
I saw her walking all around the school (around the school)
All the older boys would stop and turn their heads,
All the older girls wished that she was dead.

Judy, whatcha gonna do?
When you're older and no one wants to know ya?
I will look out for you,
If you will look out for me
I know I'm not as hard as you
But I think I can see right through you,

Now me and Judy we're the best of pals (best of pals),
She took me dancing to the early hours (early hours)
And showed me things I've never seen
Mum always asked me where I'd been
when I'm with,

Judy, whatcha gonna do?
When you're older and no one wants to know ya?
I will look out for you,
If you will look out for me
I know I'm not as hard as you
But I think I can see right through you,

When you go,
Home at night,
Are you still looking,
For a fight?
You know you're mum,
Is not that mean,
But still you want to,
Rip out her spleen.

Judy, whatcha gonna do?
When you're older and no one wants to know ya?
I will look out for you,
If you will look out for me
I know I'm not as hard as you
But I think I can see right through you,

ooooh
ooooh







Gosto delas e desta malhinha.
É um sonzinho simpático. :)

quarta-feira, 24 de dezembro de 2008

FELIZINHO NATALINHO!!!





FELIZINHO NATALINHO!!!


Is This Christmas? by The Wombats







Photo by armene in Deviantart

segunda-feira, 22 de dezembro de 2008

Bruno Aleixo - O castiço








Isto é um enorme LOLOLOL.
Love iT!!!!

sexta-feira, 19 de dezembro de 2008

Born Stupid?



Sei que existe muito boa gente que enfia o carapuço deste meu post. LOLOLOL :)))
Mas, na verdade, ele é dirigido a mim...

Só no dia em que eu deixar de me importar é que deixo de ser estúpida.






.

terça-feira, 16 de dezembro de 2008

Let The Beat Control You



Beat Control by Tilly And The Wall



Let the beat control you.
Let the beat control you.
Let the beat control you.
Let the beat control you.

All these people talkin’ ’bout you now,
they don’t make no difference no.
We always have the rhythm here,
in our blood and in our souls.

So let the beat control you now,
there’s nothing here to care about.
Just you and me let’s break it down,
so follow me I’ll show you how.

All these people talkin’ ’bout you now,
they don’t make no difference no.
We always have the rhythm here,
in our blood and in our souls.

So let the beat control you now,
there’s nothing here to care about.
Just you and me let’s break it down,
so follow me I’ll show you how.

The beat! The beat!
The beat! The beat!
The beat! The beat!
The beat! The beat!

Let the beat control your body,
you and me there’s no one watching.
C’mon we can rock this party
all night long believe me.

Let the beat control your body,
you and me there’s no one watching.
C’mon we can rock this party
all night long believe me.

There is nothing stopping you,
there is nothing stopping me.
So let that beat control your body baby.

There is nothing stopping you,
there is nothing stopping me.
So let the beat control your body baby.

All these people talkin’ ’bout you now,
they don’t make no difference no.
We always have the rhythm here,
in our blood and in our souls.

So let the beat control you now,
there’s nothing here to care about.
Just you and me let’s break it down,
so follow me I’ll show you how.

Aaaallllllll the people gather ’round now.
Aaaallllllll the people break it down now.

There is nothing stopping you,
there is nothing stopping me.
So let the beat control your body baby.

There is nothing stopping you,
there is nothing stopping me.
So let the beat control your body baby.

Aaaallllllll the people gather ’round now.
So let the beat control your body baby.
Aaaallllllll the people break it down now.
So let the beat control your body baby.

The beat! The beat!
The beat! The beat!






Photo by shuka4 in Deviantart

Cool tune!

domingo, 14 de dezembro de 2008

Que panisgas!!!!

Oh pá, Comtemporâneos sem palavras!!!!










LLLLLLLLLOOOOOOOOOLLLLLLLLLLLLLLLL

sexta-feira, 12 de dezembro de 2008

He's venus as a boy...

Venus As A Boy by Björk



his wicked
sense of humour
suggests
exciting sex!

his fingers
they focus on her
touches
he's venus as a boy

he believes in a beauty
he's venus as a boy

he's exploring
the taste of her
arousal
so accurate

he sets off
the beauty in her
he's venus
venus as a boy

he believes in a beauty
he's venus as a boy


Björk...uma sonoridade única.
Ou se ama, ou se odeia...a mim, deu-me para amar...

quinta-feira, 11 de dezembro de 2008

Gata Todo Dia



Gata Todo Dia by Marina Lima



Eu sou uma gata
E não gosto de água fria
Pega logo no meu pêlo
Seu carinho me arrepia

Não quero água
Tomo banho é de lambida
Tiro o gosto desse corpo
E ainda tenho sete vidas

Então se toque
Porque o amor não é
Só distração
A vida arranha
E se eu faço rock
Eu faço manha
Meu bem me dê sua atenção

Não faço nada
E ainda morro de preguiça
Tenho sono o dia inteiro
Madrugada é que me atiça

Não tenho dono
Mando na minha cabeça
Um dia desses eu me mando
Enquanto isso não se esqueça
Tome cuidado
Porque o amor não é
Só distração
A vida arranha
E se eu faço rock
Eu faço manha
Meu bem me dê sua atenção


Pic by scenic_window in Deviantart


Música que fez parte da minha pré e adolescência.
Miauuuu!!!

quarta-feira, 10 de dezembro de 2008

De nenhum fruto queiras só metade...





Recomeça...
Se puderes,
Sem angústia e sem pressa.
E os passos que deres,
Nesse caminho duro
Do futuro,
Dá-os em liberdade.
Enquanto não alcances
Não descanses.
De nenhum fruto queiras só metade.

E, nunca saciado,
Vai colhendo
Ilusões sucessivas no pomar.
Sempre a sonhar
E vendo,
Acordado,
O logro da aventura.
És homem, não te esqueças!
Só é tua a loucura
Onde, com lucidez, te reconheças.


by Miguel Torga
Photo by Amuletz in Deviantart




Se todos conseguissemos seguir este são e sábio conselho...

Monotone

Monotone by A Naifa



Antes de saíres para o trabalho, arrumas à pressa o dia anterior
Para debaixo da cama.
Guardas o coração ainda adormecido bem dentro do teu corpo

E esqueces essa canção que já não passa na rádio
Mas que vive secretamente dentro de ti.
Fechas a porta à chave com duas voltas e sais.

Parada junto à passadeira, protegida num gesto ledo
Fixas o olhar na sombra dos carros que passam.
Esperas pelo sábado,
Pelo feriado e as suas pontes,
Pelas férias para ouvires as tuas canções.
Sentes-te longe, silenciosa de luz.


Uma remistura:





Faziam falta no meu blog. Agora.
Das melhores coisas que se fizeram em Portugal nos ultimos tempos.
Ai...se toda a música portuguesa fosse assim...

terça-feira, 9 de dezembro de 2008

Let Me Kiss You

Let Me Kiss You from Morrissey by Nancy Sinatra



There's a place in the sun
For anyone who has the will to chase one..AND I
I think I've found mine
Yes, I do believe I have found mine

So, close your eyes and think of someone you physically admire
And let me kiss you, let me kiss you

I've zig-zagged all over America and I cannot find a safety haven
Say, would you let me cry on your shoulder
I've heard that you'll try anything twice

Close your eyes and think of someone you physically admire
And let me kiss you, let me kiss you

But then you open your eyes and you see someone that you physically despise
But my heart is open, my heart is open to you.



Tão bonito...que até arrepia.

Happy Birthday to me!!! :)))






Como sempre desejo para mim, amor, saúde, sorte e paz de espírito.






Pic by numerika in Deviantart

domingo, 7 de dezembro de 2008

Gilt Complex

Gilt Complex by Sons & Daughters



She has a gilt complex
Break her neck
Now she's run-run-running right over the edge
Had a gilt complex
Poison pen
She's signing her name and she's forgetting her friends
Had a gilt complex
Break her neck
Now she worry-worry-worries for the good of her wealth
This gilt complex
Useless effect
Now she suffer-suffer-suffers, destroying her health

He has a gilt complex
Break his neck
Now he's run-run-running right over the edge
Had a gilt complex
Poison pen
Signing his name
Forgetting his friends
Had a gilt complex
Break his neck
Now he worry-worry-worries for the good of his wealth
This gilt complex
Useless effect
Now he suffer-suffer-suffers destroying himself

All you see is all you'll get
He's trying to buy some kind of medal
He's not sure of all he has but
Avarice is all that he's made of
And everybody knows

She has a gilt complex
Break her neck
Now she's run-run-running right over the edge
Gilt complex
Poison pen
She's signing her name and she's forgetting her friends
Had a gilt complex
Break her neck
Now she worry-worry-worries for the good of her wealth
This gilt complex
Useless effect
Now she suffer-suffer-suffers, destroying herself

All you see is all you'll get
She's trying to buy some kind of medal
She's not sure of all she has but
Avarice is all that she's made of
And everybody knows

Ooh...

What you see is what you'll get
The star, you see, is just made of metal
He's not sure of all he has
But avarice is all that he's made of
And everybody knows




Gosto muito disto.

sábado, 6 de dezembro de 2008

Fragilidade




É incrível como uma só atitude põe as nossas ideias todas a mexer de um lado pro outro para se arrumarem noutro lugar do cerebro. Esta metamorfose dá-se á velocidade da luz e doi...doi fisicamente e doi no coração.
A questão é que temos as pessoas que só são simpáticas e agradáveis quando precisam de alguma coisa, mas que com sinceridade só dão desprezo e indiferença, que quando as coisas não correm á maneira delas empinam o nariz e fazem questão de usar um certo poder que têm exigindo que as coisas sejam feitas quando elas querem e só da maneira que elas querem. Neste caso, essas pessoas são as que não são incomodadas, que levam a compreensão e a vassalagem.
Depois temos as outras pessoas, que se preocupam, ajudam, que estão ao lado no caminho. Pessoas que demonstram o seu amor todos os dias num beijo, num olhar, numa palavra, num papel, num bolo, numa sms. Essas pessoas dão sempre o beneficio da dúvida e até se ultrapassam a sí próprias para estar tudo bem e em paz, para ver felicidade nos olhos.
Neste caso, essas são as pessoas que são incomodadas, que ficam mais frágeis e que levam murros no estomago.
São situações que provocam muita tristeza, mas contra as quais não se pode fazer nada quando se sente um amor incondicional...
Fico por aqui.

by Ruyva




Pic by I don't know :(

terça-feira, 2 de dezembro de 2008

Felizes os Dois




" Porque eles eram felizes os dois..."


by Peste & Sida




Photo - @ Bracara Augusta

Versos de Amor

Versos de Amor by Carlos Paião



Às onze e meia, saiu para a rua,
Com o seu fato domingueiro,
Dormindo a aldeia, brilhando a lua,
Num céu de estrelas, conselheiro
Coração quente, firme e demente,
À sua porta então chamou
E abriu-se a janela e só para ela,
Triste, cantou...

Versos de amor,
Lindos esses versos de amor
Que fizera em segredo,
A sonhar, quase a medo,
Um viver tentador.
A sua vida por uns versos de amor,
Lindos esses versos de amor
Na mais terna amargura,
O silêncio murmura uma história de amor

A noite imensa, foi mais rainha,
Quando uma lágrima caiu,
Na recompensa, o amor que tinha,
Ela também chorou, sorriu
Foi tão bonito, tinham-lhe dito,
Que amar ás vezes faz doer,
Mas a dor que sentia,
Não lhe doía, dava prazer...

Versos de amor,
Lindos esses versos de amor
Que fizera em segredo,
A sonhar, quase a medo,
Um viver tentador.
A sua vida por uns versos de amor,
Lindos esses versos de amor
Na mais terna amargura,
O silêncio murmura uma história de amor



Um momentinho mágico.

segunda-feira, 1 de dezembro de 2008

The Artifact and Living

Revi o Donnie Darko e fiquei com esta musica outra vez no ouvido...

The Artifact and Living







Inquietante.



.

R.A.P

Uma homenagem a este grande galhofeiro...que já merece!









Faz-me rir e pronto.

quinta-feira, 27 de novembro de 2008

Camouflage





Things are never quite the way they seem...









.

quinta-feira, 20 de novembro de 2008

Love In The First Degree


Bananarama - Love In The First Degree





Last night, I was dreaming
I was locked in a prison cell
When I woke up, I was screaming
Calling out your name

And the judge and the jury
They all put the blame on me
They wouldn't go for my story
They wouldn't hear my plea

Only you can set me free
'Cos I'm guilty (guilty)
Guilty as a girl can be
Come on baby can't you see
I stand accused of love in the first degree

Guilty, of love in the first degree

Someday, I believe it
You will come to my rescue
Unchain my heart you're keeping
And let me start anew

The hours pass so slowly
Since they've thrown away the key
Can't you see that I'm lonely
Won't you help me be

Guilty, of love in the first degree

Guilty, of love
Guilty, of love in
Guilty, of love
Guilty, of love in
Guilty, of love in the first degree





Ai...the 80's...
O melhor estado de espírito de todos.

terça-feira, 18 de novembro de 2008

Con Toda Palabra




Con Toda Palabra by Lhasa De Sela




Con toda palabra
Con toda sonrisa
Con toda mirada
Con toda caricia

Me acerco al agua
Bebiendo tu beso
La luz de tu cara
La luz de tu cuerpo

Es ruego el quererte
Es canto de mudo
Mirada de ciego
Secreto desnudo

Me entrego a tus brazos
Con miedo y con calma
Y un ruego en la boca
Y un ruego en el alma

Con toda palabra
Con toda sonrisa
Con toda mirada
Con toda caricia

Me acerco al fuego
Que todo lo quema
La luz de tu cara
La luz de tu cuerpo

Es ruego el quererte
Es canto de mudo
Mirada de ciego
Secreto desnudo

Me entrego a tus brazos
Con miedo y con calma
Y un ruego en la boca
Y un ruego en el alma




Quando morrer vou ter muitas saudades destas pequenas coisas.

sexta-feira, 14 de novembro de 2008

Everybody wants to go to Japan



Japan by Cocorosie




Life is like a rollercoaster
It does flips and throws you over
Board your ship that’s going nowhere
If you stop, you’ll end up somewhere

Everybody wants to go to Japan
Everybody wants to go to Japan
Everybody wants to go to Japan
Everybody, just hold hands

Now everybody wants to go to California
To live their life on a sunny day
Dreaming of someone else’s kids and wife
But they'll be bringing you the same old strife

Everybody wants to go to Japan
Everybody wants to go to Japan
Everybody wants to go to Japan
Everybody, just hold hands

Everyone wants to go to Jamaica
Queens in drag will surely fake you
Take you home, and then they'll rape you
But you like it, so say 'thank you'

Everybody wants to go to Japan
Everybody wants to go to Japan
Everybody wants to go to Japan
Everybody, just hold hands

Everyone wants to go to Iraq
But once they go, they don’t come back
Bringing peanut butter jelly and other snacks
We might have our freedom, but we're still on crack

Everybody wants to go to Japan
Everybody wants to go to Japan
Everybody wants to go to Japan
Everybody just hold hands




(suspiro)

segunda-feira, 10 de novembro de 2008

Não nos ouve ninguém...




"agora todos nós somos actores de cinema
e escondemo-nos bem
dos olhos que o mundo tem
e toda a gente nos vê
só não nos ouve ninguém"

by Foge Foge Bandido




.

sexta-feira, 7 de novembro de 2008

Say Aha

Say Aha by Santogold



Louder than they
Louder than they
Louder than they
Allow, allow
Louder than they
Louder than they
Louder than they
Allow, allow
Say Aha, Aha
Say Aha, aha

At night it's eating up your head,
Backed against the wall
Got you in a tight place
Though you're not alone at all
Been fighting, trying to place a name on what it's called
Make you feel like a losing streak cuz you know
But you're not involved

Louder than they
Louder than they
Louder than they
Allow, allow
Louder than they
Louder than they
Louder than they
Allow, allow
Say Aha, Aha
Say Aha, aha

It's alright, cuz everything they say
Doesn't make no sense
It's that time
I'm picking up my ass
Up from off the fence
Gonna blow a hole in this charade
It's self defense
I'm a army got a whole brigade in my two sense

Louder than they
Louder than they
Louder than they
Allow, allow
Louder than they
Louder than they
Louder than they
Allow, allow
Say Aha, Aha
Say Aha, aha

Ooooohhh
Send in your torpedos for all they know
Make a show, shake them up before you blow
Cuz they don't want no cure
No, you'd better find a way
Their aim's not pure

Louder than they
Louder than they
Louder than they
Allow allow
Louder than they
Louder than they
Louder than they
Allow allow
Say Aha, Aha
Say Aha, aha




Música prós meus ouvidos...

quinta-feira, 6 de novembro de 2008

Doçuras



Hei-de encontrar
Aquilo que procuras
Para te dar
E receber ternuras

Doçuras

Se eu não achar
Aquilo que procuras
Vou aguentar
As tuas amarguras

Doçuras

by Xutos & Pontapés




.

quarta-feira, 5 de novembro de 2008

Barack Obama




Recebi este texto hoje por e-mail e achei que devia estar aqui.
É exactamente o que sinto.

"Hoje é um dia especial, Histórico! De tal forma que, não o quero deixar de o assinalar expressando o que me vai na "alma".

4 de Novembro de 2008 nos EUA, e 5 de Novembro em Portugal, foi um dia no qual se estabeleceu um marco na História da Humanidade, e no qual me sinto feliz de ter assistido à eleição de Barak Obama como presidente dos EUA (a maior potência mundial). Este acto, verdadeira personificação do sonho americano e símbolo de verdadeira meritocracia, para além de uma grande lição para o mundo, faz despontar uma grande esperança e um sentimento de início de uma nova Era.



Congratulemo-nos por sermos espectadores de um grande feito (talvez o maior a que alguma vez assistiremos em toda a nossa vida)!"

de um amigo (sem nome) de uma amiga (Vera Amaral).

I need a freak


I need a freak by Electrocute




In these time of hate and pain
We need a rememdy to take us from the pain
Jealousy, a little greed
I've been thinking of what I need
I need a freak to hold me tight
I need a freak everyday and everynight
I need a freak to kiss me right
I need a freak to be my home computer site
I need a freak with curly hair
And when I need this freak I need her to be fair
I need a freak with flying curves
I need a superfreak to calm my nerves
I need a freak with long blonde hair
A superfreak in underwear
I need a freak to treat me right
I need a freak everyday and everynight
I need a freak, exclusively
So that she'll only come to satisfy me
I need a freak, I really do
I want a freak, one that acts and looks like you
I need a freak, hear what i say
I need a freak to get me thru the day
I need a freak to treat me right
I need a freak, everyday and everynight
I need a freak to hold me tight
I need a freak everyday and everynight
I need a freak with curly hair
And when I need this freak I need her to be fair
I need a freak to treat me right
I need a freak, everyday and everynight
I need a freak, I really do
I want a freak, one that acts and looks like you
I need a freak, hear what i say
I need a freak to get me thru the day
I need a freak to treat me right
I need a freak, everyday and everynight
I need a freak, everyday and everynight
I need a freak, everyday and everynight
I need a freak, everyday and everynight
I need a freak, everyday and everynight
I need a freak, everyday and everynight


Photo by adrian batista in olhares

Love it.

terça-feira, 4 de novembro de 2008

Cartão Vermelho




Há episódios nesta vida que são mesmo cartão vermelho.
Quando menos esperamos, lá temos que ouvir acusações sem lógica. E o pior é ficar com cara de parva e a cabeça a mil, pensando para dentro porque é que nunca me tinham falado disso antes para que me podesse defender.
O ser humano tem sentimentos, pensamentos, cerebro e boca, mas não os usa para um melhor entendimento com os outros, simplesmente deixa andar...
A vida está nas pequenas coisas...mas há pequenas coisas que custam muito.
A sinceridade, no timmig certo, não tem preço.









Gostava que entendessem porque é que digo sempre o que me vai na alma, e também gostava que soubessem que tenho consciência do quanto perco com isso.

segunda-feira, 3 de novembro de 2008

Love = Vida








= V I D A







.

Movies

Mais uns filminhos vistos :

- Vacancy
- Hellboy II
- Anamorph
- 100 feet
- Shutter
- Children of Men
- Oxford Murderers
- Strangers
- Dark Floors
- Wanted
- Kung Fu Panda
- The Ruins
- Saw V
- Death Silence
- Get Smart
- The Air I Breathe


Uns bons, outros piores. Queria falar um bocadinho de cada um...mas são tantos... :(

sábado, 1 de novembro de 2008

Frio






Odeio o Outuno e o Inverno. ODEIO!!!!!
Será muito mau desejar-lhes a morte?










Pic by skadj in Deviantart

sexta-feira, 31 de outubro de 2008

Happy Halloween!!!





Happy Halloween!!!


E tenham medo é dos vivos, muito medo!





Pic by Nocturnal_Devil in Deviantart

domingo, 26 de outubro de 2008

Where is God?







God stays in heaven because he is afraid of me...














Gosto desta frase.

sexta-feira, 24 de outubro de 2008

Foi no teu amor




Eu quase amei a forma como tu mentias
limpando os pés ao meu sorriso
É claro que achas que eu não presto
É claro que achas que eu não sirvo

Foi no teu amor que algo se perdeu
Foi no teu amor, não no meu

Eu quase amei a forma como tu me vias
logo eu amo outra pessoa
Eu não me importa se eu não presto
Eu tenho planos para lá de mim

E tu és só o que eu te empresto

Foi no teu amor que algo se perdeu
Foi no teu amor não no meu


by Foge Foge Bandido


Isto é tão bonito, tão bonito...que é impossivel não postar. (suspiro)







Photo by fatallook in Deviantart

quarta-feira, 22 de outubro de 2008

Quem sabe





" quem sabe eu não estou só a tentar
desesperadamente uma razão
para seguir ou para não parar
pois tudo se passa sem eu ver "

by Foge Foge Bandido



Pic by kahwe in Deviantart




Nunca pensei vir a ter esta opinião... mas ás vezes é preferível fingir que não se vê.

segunda-feira, 20 de outubro de 2008

Diferenças




Triste não é sermos diferentes uns dos outros.
Triste é as pessoas não perceberem que não podemos ser todos iguais.
Triste é as pessoas não serem um bocadinho mais sensíveis a isso.



Pic by mehmeturgut in Deviantart

quinta-feira, 16 de outubro de 2008

O Amor é Não Haver Policia



O Amor é Não Haver Policia by Linda Martini





Sentimos no ar a melodia etérea. É a nossa música.
Cantamos e dançamos como se fosse a última vez, o
último olhar, o último toque, o último beijo.
Estás linda.
O teu vestido, da cor do vinho que enche os copos,
aquece o chão que pisas e relembra a razão. Todas as
razões.
Diz-lhe para parar aqui. Eu queria tanto parar aqui.
Os olhos param em ti e em mim, enquanto preenchemos o
espaço vazio, impossivel de preencher por alguém que
não nós. Não pedimos o fim, mas não nos importamos se
acabar assim.
Diz-lhe para parar aqui. Eu queria tanto parar aqui. O
mundo é grande e em todo o lado se vive. Diz-lhe para
parar aqui, vivemos em caixas de fósforos. Não
sopres.
Se as mãos pudessem dizer por mim.
Eu queria tanto parar aqui.

Pára.








Photo by stefa_zozokovich in Deviantart

Quem é que nunca viveu um momento que quisesse tornar eterno?

terça-feira, 14 de outubro de 2008

Alerta




"olha sempre de perto
e anda sempre por perto
nesta vida nada tens como certo "



by Foge Foge Bandido
Pic by joao luis cid in Olhares




A melhor frase que existe para descrever o meu estado de espírito meio assustado nestes ultimos dias.

sexta-feira, 10 de outubro de 2008

Thinking




"E podesse eu pagar de outra forma.."

by Ornatos Violeta






Photo by kolla85 in Devinatart

quinta-feira, 9 de outubro de 2008

Movies

Só para que fique um registo dos filmes que tenho visto.


-Untraceable
-Journey to the Center of Earth
-Mirrors
-Dark City
-You Don't Mess with the Zohan
-Into the Wild
-Uma Chamada Perdida I,II,III(japanese)
-L : Change the World (japanese)
-Suspension
-Beowulf
-The Eye 3 (japanese)
-Mizuchi (japanese)
-28 weeks Later
-Sleuth
-The Happening
-Aragami (japanese)
-Planet Terror
-Family Guy present Blue Harvest
-The Eye
-The Invisible
-Silent Hill
-Simpsons Movie
-No Country for Old Men
-Tropa de Elite
-Indiana Jones & The Kingdom of the Crystal Skull
-GhostRider
-Hannibal Rising
-The Kingdom
-30 Days of Night
-Hitman
-Perfume
-V - Vendetta
-REC (spanish)
-National Trasure
-The Myst
-Stardust
-Hostel
-Batman - The Dark knight






That's all folks :)

Equus




Equus by Blond Redhead



Allow me to show you!!!
The way which I adore you!!!

Sometimes I think I must
Just let you be a horse
All I want is to be a rider
To be part of you

Afraid so afraid
To loose you
If someone looks at you
Turn into donkey
Pretend you are lame

Equus by nature
Timid creature
Ready to run away
Equus by nature
Timid creature
Cares nothing
For the plans they made

I will hide you
Will protect you
Won’t let anyone
Take you away







Photo by Tetty in Deviantart


Amo-o tanto...tanto...tanto...

terça-feira, 7 de outubro de 2008

Strong






"You work all your life for that moment in time
It can come or pass you by
It's a push of the world but there's always a chance
If the hunger stays alive..."

by Hall & Oates








Photo by dreamcatcher1127 in deviantart

quinta-feira, 2 de outubro de 2008

Cocorosie

Terrible Angels by Cocorosie



If every angel's terrible
Then why do you welcome them
If every angel's terrible
Then why do you welcome them
If every angel's terrible
Then why do you welcome them
You provide the birdbath
I provide the skin
And bathing in the moonlight
I'm to tremble like a kitten
If blue eyed babes
Raised as hitler's little brides and sons
They got angelic tendencies
Like some boys tend to act like queens
Oh if every angel's terrible
Then why do you watch her sleep
You love to hear her sing
And wear purple eyes like rings
Well the flowers have no scent
And the child's been miscarried
Oh every angel's terrible
Said freud and rilke all the same
Rimbaud never paid them no mind
But jimmi morrison had his elevators
His elevators
He had his elevator angels
If every angel's terrible
Why do you hide inside her
Like a child in a skirt
The supermarket's loud and bright
And boy don't she feel warm tonight
Boy don't she feel warm tonight
Boy don't she feel warm tonight
If every angel's terrible...



Estas miúdas são surpreendentemente fantásticas...
São um misto de angelical com demoníaco...fabulosas!
Tão bom de ouvir.

quarta-feira, 1 de outubro de 2008

Lucky Star




Lucky Star by Madonna



You must be my Lucky Star
'Cause you shine on me wherever you are
I just think of you and I start to glow
And I need your light
And baby you know


Starlight, starbright first star I see tonight
Starlight, [starbright] make everything all right
Starlight, starbright first star I see tonight
Starlight, [starbright] yeah

You must be my Lucky Star
'Cause you make the darkness seem so far
And when I'm lost you'll be my guide
I just turn around and you're by my side


Come on shine your heavenly body tonight
'Cause I know you're gonna make everything all right

You may be my lucky star
But I'm the luckiest by far







Photo by SnnR in Deviantart





Estou feliz.
Obrigado, LUV.

sábado, 27 de setembro de 2008

"Ir" de escadas








Eu só queria perguntar porque é que os portugueses quando não há elevador dizem que "vão" de escadas...







lol?

sexta-feira, 26 de setembro de 2008

Speaking Italian- Family Guy




Um dia quando eu tiver muito triste ponham-me este video...eu não aguento!!! LLLLLLOOOOOOOOLLLLLLLLLLLL!!!!







.

segunda-feira, 22 de setembro de 2008

Hoje...





"O meu único desejo é conversar. Conversar com alguém que ainda sabe sorrir."

By José Manuel Saraiva


Some Where Out There by Linda Ronstadt & James Ingram



Somewhere out there,
Beneath the pale blue night,
Someone's thinking of me,
And loving me tonight.
Somewhere out there,
Someone's saying a prayer,
Then we'll find one another,
In that big somewhere out there.


And even though I know how very far apart we are,
It helps to think we might be wishing
On the same bright star,
And when the night will start to sing
A lonesome lullaby,
It helps to think we're sleeping underneath the
Same big sky.


Somewhere out there,
If love can see us through,
Then, we'll be together,
Somewhere out there, out where dreams, come true.



Hoje, sinto-me só.

domingo, 21 de setembro de 2008

Chicks on Speed

We Don't Play Guitars



Wordy Rappinghood - uma versão fantástica do clássico de Tom Tom Club





Por aqui ouve-se isto e muito mais...compulsivamente!

...








Há coisas que nem a nós próprios conseguimos confessar.













.

sábado, 20 de setembro de 2008

Idália




És o meu copo d'água.
És o meu grito.
És o meu calar.
És o meu sentir.


Obrigado por estes 11 anos de amizade pura.


************************************************

E o brigado por estas tuas palavras no meu hi5 :

"ESTAS SEMPRE LINDA, SEXY, MISTERIOSA, ELEGANTE, SORRIDENTE, CONFIANTE... UMA MULHER LINDA!
PARA ALÉM DISSO ÉS A PESSOA MAIS MARAVILHOSA NO SEU INTERIOR, PELA FORMA COMO VÊS O MUNDO, COMO O VIVES, COMO FAZES VIVER OS OUTROS, COMO DÁS, COMO RECEBES, COMO FAZES AS COISAS BRILHAR E TEREM SENTIDO...
OBRIGADA AMIGA POR SERES ASSIM, POR FAZERES DE MIM UMA PESSOA FELIZ POR TE TER. CONTIGO A VIDA É MAIS FÁCIL E MERECEDORA DE SER VIVIDA ATÉ À ULTIMA GOTA!
...PARA QUE NINGUÉM PENSE QUE ISTO É FUFICE... QUE A VIDA NOS DÊ MUITO AMOR E DESAMOR COM OS GAJOS, DINHEIRO OU POBREZA, MAS QUE ME NUNCA ME TIRE A MIM A TUA AMIZADE.
É UM ORGULHO SER TUA AMIGA! (TOMA!)"

;)))

***********************************************

Amo-te coirão.

sexta-feira, 19 de setembro de 2008

MAMAPAPA

MAMAPAPA by Reporter Estrábico



Mama, mama, papa, papa
Bebe, bebe, fuma, fuma
Toma, toma, chupa, chupa
Upa, upa, come

Mamã consome
Papá consome
Bebé consome
Consome, filha / filho!

Consome, consome
Mata a fome




Curtam aí!!!!
Ando assim....o que se há-de fazer?

terça-feira, 16 de setembro de 2008

Express yourself











Se eu não me expressar a mim...quem me expressará?

segunda-feira, 15 de setembro de 2008

Madonna, a Diva!

La Diva:



O crew:






Olhem a cara de felicidade:





P-O-D-E-R-O-S-O !!
!





.

domingo, 14 de setembro de 2008

sexta-feira, 12 de setembro de 2008

Pin-Up Wannabe





Just messing around... :)
Gosto desta photo e pronto!




.

terça-feira, 9 de setembro de 2008

És capaz




Um Mergulho by Xutos & Pontapés

Dá um mergulho no mar
Dá um mergulho sem olhar para trás
Dá um salto no ar
Só para veres do que és capaz
Arrisca mais uma vez
Nem que seja só por arriscar
Nunca se tem muito a perder
Dá um mergulho no mar
Há tantas coisas por fazer
E tantas por inventar
Dá um mergulho no mar
E tu vais ver
Tu vais jogar
Tu vais perder
Tu vais tentar
Mais uma vez
E tu vais ver
E tu vais rir
Tu vais ganhar
Tens pouco tempo para ser só teu
Não esperes nem deixes passar
Essa vontade que quer
Dar um mergulho no mar
Arrisca mais uma vez
Nem que seja só por arriscar
Nunca se tem muito a perder

Photo by nxxos in Deviantart






Aprender.

sábado, 6 de setembro de 2008

Au Revoir Simone

Sad Song by Au Revoir Simone




The Lucky One by Au Revoir Simone



Haunted House by Au Revoir Simone





Se estas míudas e a sua música fossem um doce, eram concerteza um algodão doce, doce e muito bom, mas que se derrete na boca muito de repente e sabe a pouco.
Adoro, adoro, adoro.
Fazem-me sentir bem e tinham que ter um post delas.

sexta-feira, 5 de setembro de 2008

FORÇA





FORÇA

do Lat. fortia


s. f.,
Fís.,
toda a acção capaz de produzir alteração na forma ou no movimento de um corpo;

toda a energia ou potência capaz de operar, de produzir um efeito;

poder, energia;

vigor, robustez, valentia;

motivo, causa;

necessidade;

grande porção, abundância;

a parte principal de um conjunto;

troço de militares, destacamento.
à fina -:vd. à viva força;

à viva -: custe o que custar; o m. q. à fina força.



Pic by Kotuo_chan in Deviantart



Preciso de mais força dentro de mim, para ser a pessoa que quero ser.

quarta-feira, 3 de setembro de 2008

Tempo de Nascer


Tempo de Nascer by Ornatos Violeta

Eu sei, eu quis demais
E o sonho nada tras
Sonhar seduz a paz
Eu sei eu vi em meu crescer
Que eu vou sempre dar a mim
Imploro a luz e sigo sempre á sombra
Imploro a morte e volto á luz
Alguem pensou em mim á boca da varanda
Eu não senti que houvesse alguma razao para amar
Imploro a queda como quem não quer saber
É tempo de nascer devagar
Não quero ver o fim chegar sem eu nascer
Devagar eu não quero ver o fim sem eu nascer
Quando eu sonho eu levo a minha força até ao fim
E quando o sonho acaba cego eu olho fundo para mim
Não vejo nada alem da tão real ausencia de outra luz
E so por ela volto á minha cruz, á minha cruz
Eu vi meu pai nascer na mesma cama de outros homens
E hoje eu sei, eu aprendi
Já nada importa agora a luz que eu trago de onde vim
Se há luz la fora eu quero que haja luz em mim
E tempo de nascer devagar não quero ver o fim chegar sem eu nascer
Devagar eu não quero ver o fim sem eu nascer
Vem ver quem vi nascer
É filho de outra guerra
No trilho de outra paz
Alguem entrou em mim
Entrego a minha espada
Eu não senti que houvesse alguma razão para amar
Implora a queda como quem não quer saber
É tempo de nascer devagar
Não quero ver o fim chegar sem eu nascer
Devagar
Eu não quero ver o fim sem eu nascer
Nascer devagar
Nascer devagar
Nascer devagar
Nascer devagar
Nascer devagar
Nascer devagar
Nascer devagar




Pic by Ultravioletlights in Deviantart




Depois de tudo o que decidi ontem, nenhuma música fazia mais sentido que esta.

terça-feira, 2 de setembro de 2008

The poet





The poet is a faker who's so good at his act, he even fakes the pain of pain he feels in fact...

By Fernando Pessoa (traduzido)






:)

Leave A Light On

Leave A Light On by Belinda Carlisle





Take my hand
Tell me what you are feeling
Understand
This is just the beginning
Although I have to go
It makes me feel like crying
I don't know when I'll see you again

Darling leave a light on for me
I'll be there before you close the door
To give you all the love that you need
Darling leave a light on for me
Cause when the world takes me away
You are still the air that I breathe
I can't explain, I don't know
Just how far I have to go
But darling I'll keep the key
Just leave a light on for me

Yes I know
What I'm asking is crazy
You could go
Just get tired of waiting
But if I lose your love
Torn out by my desire
That would be the one regret of my life

Darling levae a light on for me
I'll be there before you close the door
To give you all the love that you need
Darling leave a light on for me
Cause when the world takes me away
You are still the air that I breathe
I can't explain, I don't know
Just how far I have to go
But darling I'll keep the key
You just leave a light on for me

Just like a spark lights up the dark
Baby that's your heart
Baby that's your heart
Baby that's your heart

Darling leave a light on for me
I'll be there before you close the door
To give you all the love that you need
Darling leave a light on for me
Cause when the world takes me away
You are still the air that I breathe

Darling leave a light on for me
I'll be there before you close the door
I'll be all the love that you need
Darling leave a light on for me
Cause when the world takes me away
You are still the air that I breathe


Isto é mesmo lindo!!! Saudades.
O que é feito destas melodias nos dias de hoje?

domingo, 31 de agosto de 2008

Christiane F : Não precisa de apresentações

Li este livro e vi este filme quando tinha 14 anos. Por ter a idade dela e por muitas outras coisas a história marcou-me. Li o livro novamente o ano passado e teve o mesmo impacto. Hoje, quando me preparava para ver o filme outra vez, vejo esta noticia...não fazia a minima ideia de que ainda se falaria de Christiane F. As noticias não são das melhores, mas gostei de saber dela.

Christiane F




Christiane F.: A droga outra vez
Mito da década de 1980 voltou à dependência absoluta da heroína que lhe deu fama quando tinha apenas 15 anos





Durante a primeira metade da década de 1980, Christiane Vera Felscherinow foi a adolescente alemã mais conhecida do planeta, após o êxito massivo da sua autobiografia intitulada "Wir Kinder Vom Bahnhof Zoo", vertido para português como "Christiane F. - Os Filhos da Droga" (1979), e da adaptação cinematográfica (1981) do livro.

Nele descobria-se a decadência absoluta de uma criança de 13 anos, iniciada na heroína pelo namorado, e que recorria à prostituição para sustentar o vício. Voltou aos escaparates este mês, quando as autoridades lhe retiraram a custódia do filho. Por ter regressado à heroína. Se é que alguma vez a deixou. Quase 30 anos após ter sido publicada, a vida dela daria outro livro: "Christiane F. - Tomo 2". Tão sórdido como o primeiro.

Christiane F.: A droga outra vez
Christiane F. perdeu a custódia do filho


Christiane F. chegou a anunciar que estava "limpa", livre das drogas. Anos depois, admitiu que tal só havia ocorrido durante cinco meses. Provavelmente, imediatamente a seguir à edição do livro. Então, a adolescente mais conhecida do Mundo mantinha-se incógnita para fugir da fama súbita e partilhava apartamento em Hamburgo com o cineasta Klaus Maeck e o músico Alex Hacke.

Influenciada pelo primeiro, torna-se actriz no filme punk "Neonstad", de 1981, experiência a que regressa com "Decoder", realizado por Maeck, onde contracena com William Burroughs, o escritor beatnick viciado que matou a mulher com um tiro na cabeça quando brincava como Guilherme Tell; com o outro, que seria seu namorado e fundador da banda de industrial-punk "Einstürzende Neubauten", aprendeu a tocar guitarra, integrando a banda "Sentimentale Jugend". No ano seguinte, assinando Christiane X, lança o álbum "Gesundheit!" ("Saúde!"). Amargamente irónico, mas revelador: no refrão de uma música, canta "Ich bin so süchting..." (Estou tão viciada...). Estava.




Conforme revelou à revista dinamarquesa "Politiken" em 1985, regressou à heroína com 21 anos: "Quando um deles (os colegas) me ofereceu heroína… limitei-me a dizer: 'Porque não? Só uma vez'. Vomitei, porque o meu corpo estava totalmente limpo. Mas então voltei a fazê-lo, porque era muito bom…". Tão bom que tornou a ser presa nesse ano, quando trabalhava num gabinete de contabilidade, por posse de droga.

Nessa altura, já a sua identidade tinha sido revelada quando, convidada para consultora executiva do filme sobre a própria vida, um jornalista descodifica o famoso F, desdobrando o apelido Felscherinow. Mas nem tudo foi azar: com o dinheiro dos direitos da sua obra, Christiane F. reforma-se em 1985, passando a viver de rendimentos. Aos 23 anos.

Abonada, deixou a Alemanha para viajar. Nesse ensejo, conhece também algumas das maiores figuras das artes: o seu ídolo David Bowie, com quem partilhou uns riscos de cocaína; o realizador italiano Frederico Fellini, com o qual se aborreceu de morte em longos jantares e solilóquios… Até que se fartou. Foi para a Suíça e, na praça Platz Spitz, em Zurique, regressou à adolescência. Porque ali havia "montes de droga, onde nos podíamos picar à vista de todos".

Saturada da cópia, regressa à cena original, Berlim, no Verão de 1985, onde é detida pela Polícia e presa por 10 meses por recusar a desintoxicação: "A terapia era pura lavagem cerebral", diz. No ano seguinte, parte outra vez. Para a Grécia. Numa ilha do mar Egeu, conhece um jovem, Panagiotis, iniciando uma relação de seis anos, e que até a poderia ter resgatado da agulha não fora um pormenor: ele também era heroinómano. E, se no início isso não constituiu problema, a coisa assumiu proporções catastróficas de tal modo que, quando se preparavam para casar, Panagiotis é detido pela Polícia por… tráfico de droga. Sozinha, entregue à rotina dos viciados, decidiu abandonar Atenas porque ali "havia demasiados problemas para arranjar droga". Voltou à Alemanha em 1993.

Em Berlim chutava todos os dias. E nem quando, em 1994, partiu o ombro, tendo sido internada, largou a dose: "Saia todas as noites do hospital para comprar droga. Mas não podia picar um braço enfaixado". A abstinência era um calvário. Até que lhe deram pastilhas de metadona para apaziguar as dores. Foi uma revelação: Christiane F. adoptou o químico e, aos poucos, limpou o corpo. Estava tão maltratado que deixou de menstruar durante dois anos; um dia, deixou outra vez, mas agora por estar grávida do companheiro, que deixou quando o filho Jan-Niklas nasceu, em 1996.

E foi pelo filho e pela heroína que Christiane F. tornou a ser notícia. Aos 46 anos, após ter falhado múltiplas desintoxicações, não escapou à degradação do vício - tem hepatite C, faz hemodiálise e já nem sequer pode injectar por falta de veias capazes - que cultiva. Com menos dinheiro: o livro vende pouco e o filme não se vê. Por isso, partilhava um apartamento em Berlim com dois tios. E o filho, Niklas, agora numa instituição para menores. Retiram-lhe o filho por "incapacidade".

O novo drama começou este ano, quando ela e o namorado, Joachim S., de 37 anos, decidiram emigrar para a Holanda, levando a criança. Como a Justiça alemã lhe retirou o filho, ela sequestrou-o e fugindo para Amesterdão. Mas, na capital holandesa, Christiane regressou à heroína e, após uma zanga com Joachim, voltou à Alemanha em Junho. E, ainda no comboio, o Tribunal de Menores retirou-lhe a custódia de Niklas, que só poderá voltar ao convívio com a mãe caso ela recupere da dependência.

É pouco provável. Segundo a imprensa local, Christiane procura as antigas amizades da seringa, pernoita em casa de amigos e frequenta uma praça de Berlim famosa pelo tráfico. E Joachim declarou à "Der Spiegel" que ela snifava heroína regularmente e bebia muito álcool. Fiel, de resto, ao seu princípio. Em entrevista ao semanário holandês "De Limburger", em 2005, afirmou: "Nunca quis ser exemplo para ninguém; acho que cada um deve saber o que faz". Christiane F. não sabe...

sábado, 30 de agosto de 2008

Scary Trailers

E se estes, fossem na realidade, filmes de terror?

Mary Poppins




Wizard of Oz





Funny!!!

quarta-feira, 27 de agosto de 2008

Um Crime À Minha Porta


Vim da rua de matar alguém,


E foi assim que eu matei por bem.
As razões:
Não há razões!
É que eu não tenho mais amor pra dar,
E a ninguém!
Quero não amar p'ra não cair,
Não vou dar,
E não vou ter,
A mesma forma de estar.
Tudo bem vá durar um dia,
Faça agora tudo o que eu fizer.
Quero estar voar e só contigo,
Mas só enquanto eu quiser.
Sobre esta forma de amar,
Vai de uma forma de estar.
Vim da rua de matar alguém,
Agora espero o sol.
Agora espero só.
Quem não dá para ter quem não dá,
Pra dar um brilho ao ego,
E ter assim o cheiro do que um dia,
Seria,
O nosso dia,
Daquilo que eu faria.
Agora sinto a dor,
Agora sinto a dor.
Por quem matei por ter feito amor.
Qual dor.
Eu só faço o que eu quero.
Eu não penso em ninguém,
Por pensar.
Meu nome é partir,
E voltar,
E tudo por quem?
Sobre esta forma de amar,
Vai de uma forma de estar.
Sobre esta forma de amar,
Vai de uma forma de estar.
Levo-me ao inverno,
Pela mão da minha culpa,
Tenho a força para ser mais forte,
E roubo-te a desculpa.
Eis a preocupação,
Com uma qualquer situação anormal.
É triste o fim ser igual,
Para nós.
Estar nas nossas mãos,
O evitar simples,
Da dor.
E qualquer dia me traz,
Até mim.
Qual a minha culpa qual,
A sentença?
Da lição não tiro nada,
Mas que o crime só compensa.
E se eu matar,
Logo pela madrugada?
Sobre esta forma de amar,
Vai de uma forma de estar.
Sobre esta forma de amar,
Vai de uma forma de estar.
Eu não sou normal.
Eu não quero ser igual.
Isso é virar um homem,
Que eu não sou.
(Sou) ouro em teu olhar.
Serei o pai do teu prazer até ao dia,
Em que o amor for para nós:
A ultima fatia.
E se o trago é difícil,
E a veia entope,
Só nos resta a nós os dois:
A hemorragia.
Sobre esta forma de amar,
Vai de uma forma de estar.
Sobre esta forma de amar,
Vai de uma forma de estar.

by Ornatos Violeta




Na photo eu e o Luv há mais de 10 anos.
O que perdemos e o que encontramos no tempo, só nós sabemos...sobre esta forma de amar.
Sou feliz.

terça-feira, 26 de agosto de 2008

Delírium




"Nem ópio nem morfina. O que me ardeu,
Foi álcool mais raro e penetrante:
É só de mim que ando delirante —
Manhã tão forte que me anoiteceu."

by Mário de Sá-Carneiro
Pic by thebeserker in Deviantart


.

segunda-feira, 25 de agosto de 2008

Pensamento cheio




O meu pensamento está cheio. Cheio com coisas que estão a acontecer, cheio com coisas que gostava que acontecessem... BAHHH!!!
E um descansozinho, não, ó Sr. Cerebro?






Photo by Davenit in Deviantart


.